Teste de Antígeno

Os testes de antígenos são mais rápidos e econômicos do que outras opções. Sua maior desvantagem é a imprecisão. Embora os falsos positivos sejam raros, são esperados falsos negativos.

Como funcionam os testes de antígeno

Os testes de antígeno têm três estágios:

  1. A primeira etapa consiste na coleta de amostra do paciente, por meio de swab nasal ou nasofaríngeo.
  2. Em seguida, a amostra é tratada com produtos químicos que expõem os antígenos do vírus.
  3. Por último, esta amostra tratada é aplicada em uma tira de teste, que mostrará visualmente se os antígenos SARS-CoV-2 estão presentes.

Os resultados de um teste de antígeno podem estar disponíveis em minutos. E, uma vez que os resultados do teste são visualmente evidentes, podem ser entendidos por não profissionais. Os testes de antígenos são promissores porque podem ser realizados por pacientes em casa.

A Ciência

Um antígeno é qualquer substância estranha que resulta em uma resposta imunológica. Nosso sistema imunológico é ótimo em reconhecer coisas que não deveriam estar lá. Isso é feito de várias maneiras, mas uma delas é pela produção de anticorpos que reconhecem um antígeno muito especificamente. Os próprios anticorpos não matam os vírus ou as células que foram infectadas por um vírus, mas eles os reconhecem, essencialmente sinalizando-os para destruição por outras células do sistema imunológico.

Um teste de antígeno pode ser projetado para detectar qualquer fragmento viral. O teste de antígeno usado para SARS-CoV-2 detecta a proteína do capsídeo do vírus. O teste em si usa anticorpos que se ligam especificamente à proteína do capsídeo SARS-CoV-2 que está presa à tira de teste.

O teste é então exposto à amostra de muco coletada do nariz ou da garganta. Se o capsídeo viral estiver presente na amostra, ele se ligará ao anticorpo, produzindo um sinal que pode ser lido pelo pessoal do laboratório.

Esses testes se assemelham a testes de gravidez, com uma faixa de controle e uma segunda faixa aparecendo em amostras que são positivas para o capsídeo viral.

Perguntas frequentes

Qual é a diferença entre um teste de PCR e um teste de antígeno?

Explicados resumidamente, os dois testes procuram por partes diferentes do vírus. Um teste de PCR procura material genético, enquanto um teste de antígeno procura uma proteína viral ou outro componente. A sensibilidade – e, portanto, a precisão – de um teste PCR é maior do que um teste de antígeno, mas leva mais tempo. Ambos os testes podem determinar se uma pessoa está atualmente infectada com SARS-CoV-2.

Quão confiáveis ​​são os testes de antígeno?

Os testes de antígeno positivos são altamente confiáveis. No entanto, devido à menor sensibilidade dos testes de antígeno, eles têm muito mais probabilidade de gerar falsos negativos do que um teste molecular.

Ao contrário dos resultados do teste de PCR, os resultados do teste de antígeno geralmente precisam ser confirmados por testes de PCR para serem considerados válidos.